quarta-feira, 12 de julho de 2017

Opinião

Comentários no link:


Opinião do jornalista Carlos Santos:

“A ESQUERDA NO BRASIL ACABOU”


Desde quando em 1982 o político falecido Paulo Pinto Nery declarou que não haveria mais esquerda no Brasil, "só quem está no poder e roubam todos os outros que querem chegar ao poder para roubar também", levou 35 anos para que o Stephen Kentz (http://blog.kanitz.com.br, em15.05.2017) publicasse no blog dele que "a esquerda acabou" e narra várias razões para que isso tenha ocorrida.


Com 37 partidos, dos mais de 500 deputados, 400 sendo investigados por corrupção no Supremo Tribunal de Justiça e outros partidos mudando de nome, mas mantendo a mesma prática delituosa e novos partidos surgindo.  Criar partido no Brasil hoje é uma forma de negócio muito bom porque partidos "nanicos" rendem muito dinheiro a quem os preside. 

No toca-troca de nomes da com liberação de verbas parlamentares, pode ter sido inútil e se perca todo o trabalhoso “In Dúbio, pró cieietá”do relator da Comissão de Ética de Sérgio Szveiter.


Parlamentares estão denunciando abertamente a troca de mais de bilhões de reais em detrimento de serviços essenciais nas áreas de saúde, saneamento, segurança pública, escolas etc. Dizem que as verbas serão liberadas só para quem votar a favor do governo na Comissão de Ética, em uma vergonhosa e imoral troca de favores: dá teu voto eu permaneço e libero verbas! Caso contrário, não terá! As trocas renderão dividendos eleitorais mais na frente com o financiamento privado de campanha, via Caixa 2.

"Esquerda no Brasil acabou" voltemos a crônica que escrevia sobre o fim da "esquerda no Brasil acabou". Identificada e escrita por Stephen Kentz,Como "a esquerda sempre precisou de dinheiro". Direita e esquerda que desviam recursos públicos, que se perdem nas suas próprias praticas delituosas.

Por isso que o político pelo Amazonas Paulo Pinto Nery estava certíssimo quando previu em 1982 que de todos de todos partidos políticos passariam a existir somente dois partidos passariam: “o que no poder e rouba o quem está fora do poder e deseja roubar também”. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário